Professor, publique aqui!

Para publicar nesse blog envie E-mail p\ blogdoprofessor.postar@blogger.com Cc peutzenfc@yahoo.fr

Se for REGISTRADO publique aqui

Não é registrado no blog (registre aqui)



sexta-feira, 25 de novembro de 2005

Bill Gates está conosco! Será que ele se candidata a prefeito da PBH?

O DISCURSO DE BILL GATES



Aqui estão alguns conselhos que Bill Gates recentemente ditou numa conferência em uma escola secundária sobre onze regras que os estudantes não aprendem na escola
Ele fala sobre ?Como a política educacional de vida fácil para as crianças ? tem criado uma geração sem conceito da realidade , e como esta política tem levado as pessoas a falharem em suas vidas posteriores à escola .
Muito conciso , todos esperavam que ele fosse fazer um discurso de uma hora ou mais .
Bill Gates falou por menos de cinco minutos , foi aplaudido de pé por mais de dez minutos, agradeceu e foi embora em seu helicóptero.

11 Regras para se dar bem :

Regra 1

A vida não é fácil . Acostume- se com isto

Regra 2

O mundo não está preocupado com a sua auto - estima . O mundo espera que você faça alguma coisa por ele , antes de sentir-se bem consigo mesmo

Regra 3

Você não ganhará 20000 por mês assim que sair da escola . Você não será vice -presidente de uma empresa com carro e telefone à disposição antes que você tenha conseguido comprar seu próprio carro e telefone .

Regra 4

Se você pensa que seu professor é rude , espere até ter um chefe ! Ele não terá nenhuma pena de você !
Regra 5

Vender jornal velho ou trabalhar durante as férias não estão abaixo de sua posição social. Seus avós tem uma palavra diferente para isso : Eles chamam de OPORTUNIDADE !
Regra 6

Se você fracassar, não é culpa de seus pais . Então, não lamente seus erros e aprenda com eles!
Regra 7

Antes de você nascer, seus pais não eram críticos como agora ! Eles ficaram assim por pagar suas contas, lavar suas roupas e ouvir você dizer que eles são ridículos e ultrapassados !

Regra 8

Sua escola pode ter eliminado a distinção entre vencedores e perdedores, mas a VIDA NÂO É ASSIM !
Em algumas escolas , você não repete mais de ano e tem quantas chances precisar até acertar !
Isto não parece com absolutamente NADA NA VIDA REAL !
Se pisar na bola, estará despedido ! RUA !
Portanto , faça certo da primeira vez !

Regra 9

A vida não é dividida em Semestres ! Você não terá sempre os verões livres e é pouco provável que os outros empregados e colegas o ajudem a cumprir suas tarefas no final de cada período !

Regra 10

Televisão NÂO É VIDA REAL ! Na vida real , as pessoas têm que deixar o barzinho ou a boate para segundo plano e ir trabalhar

Regra 11

Seja legal com seus companheiros cdfs! (Aqueles que os demais julgam ser babacas , por sobressaírem nos estudos ) .
A vida na prática , tem demonstrado que existe uma grande probabilidade de você necessitar vir a trabalhar para um deles!

Prof. Pedro Linardi me enviou esse texto e achei adequado publicá-lo no blog com o fim de discuti-lo.

Um comentário:

W. F.C. disse...

Eu acho que devemos nos empenhar em valorizar a carreira do professor público trazendo esses textos para discussão em sala de aula. Não somos simples empregados de uma empresa pública, temos um viés político que nos permite e nos convoca a apontar caminhos para a educação. Contudo ,a prefeitura nos retirou o poder de decidir as regras que os alunos devem seguir e adotou a práxis do varrer todo tipo de problema para dentro das escolas. Além disso, se empenha em arrochar nosso salário conjuntamente com uma ?política? de descrédito e desqualificação do professor com a desculpa de adotar práticas que pretenderiam reduzir as discriminação racial, sócio-econômica, supostamente reproduzidas apenas pela escola. Como se a mureta das escolas públicas pudessem deter as imensas dunas da histórica desigualdade racial e social. Entregar à escola e somente a ela, essa incumbência, não passa de uma desculpa para instituir uma república do faz de conta, onde escolas são pretensos açudes, pocilgas que encobrem e agravam o flagrante areal que são o esforço de aquisição e de produção do saber no país. Isso aprofunda nossa dependência externa e expõe o cidadão a condições de trabalho mais e mais servil, além de não permitir uma reação empreendedora que poderia amenizar os efeitos de um mundo cuja economia caminha no sentido de extinguir postos de trabalho. É nesse sentido que concordo com Bill Gates, quando valoriza o trabalho dos professores americanos. O PT, no intuito de manter-se no poder com um perverso projeto de submeter as famílias às esmolas do governo, faz o contrário, e mina a autonomia da população em adquirir condições de decidir, com autonomia, o seu destino. Assim, as elites brasileiras se limitarão a uma aristocracia parasita, a nomenclatura governamental e um empresariado (se existir) a serviço dos desmandos do ?governo? e da especulação financeira, nacional e internacional.
Fazer esse trabalho de revitalizar a profissão de professor público é o nosso maior desafio, dadas as péssimas condições a que estamos submetidos, pois isso nos obriga a ter de sobreviver, não restando tempo e forças para enfrentar esse assalto.